Traductor

[PT/BR] Como ser um Habbo Ajudante?

Na 18ª edição do BobbaWars, entrevistamos os ajudantes LiseMoOn! e MasterRobson001, para saber: em tempos como estes, ainda é possível ser ajudante no Habbo Hotel? Mas antes, vale destacar um pouco sobre os convidados desta edição!

LiseMoOn! é hóspede no Habbo PT/BR desde 2009. Quando começou a jogar já ouvia de muitos usuários a famosa frase: "Antigamente era melhor" ou "O Habbo já vai falir", passaram-se 12 anos e nós ainda continuamos por aqui. Assim como o jogo, Lise passou por muitas fases e mudanças ao decorrer dos anos e hoje ela pode dizer que "não se deve julgar um livro pela capa, pois pode acabar se surpreendendo". Sempre foi uma jogadora ativa em quartos públicos e adora café, chocando um total de zero pessoas, não é mesmo?

Lise já era ajudante antes mesmo de existirem ferramentas, é uma usuária que adora conversar e compartilhar conhecimento, principalmente quando é sobre algo que pode agregar ou fazer diferença. Sempre seguiu seu coração e nunca se limitou a padrões, sem perder a essência de quando começou. Ela é famosa por ser a menina que só se veste de preto e sobre a sua imagem existem mil teorias, mas que no final só importa o que cativa e deixa de lembrança positiva por onde passa, coração de mãe e disposta a abraçar todos que de algum modo, precisam de ajuda!

MasterRobson001 é um usuário ativo no Habbo Hotel há mais de 6 anos. Um entusiasta desde jogo, que já pesquisou e foi atrás de de tudo que se refere ao passado do Habbo. Já foi membro de algumas polícias e ajuda usuários desde quando começou a jogar. Sempre que pode está participando de eventos e disposto a ajudar todos que precisem pelos corredores do hotel. Mas cuidado, ele as vezes dá choque, sabe como são os robôs! Beep, beep.

A seguir, você verá na integra a entrevista que realizamos através do Habbo Hotel no dia 04/12/2021, às 17h BR/20h PT. Esperamos que gostem! Deixe o seu comentário, mande a sua ideia e compartilhe no Twitter marcando @BobbaWars.


Entrevista

1- Afinal, o que é realmente ser um ajudante no Habbo?

LISE: Bom, é ser alguém que ajuda no que puder e a qualquer jogador, tirando dúvidas ou dando orientações, além de promover a segurança, denunciar infratores com a ferramenta que temos. É ajudar no geral, contanto que se mantenha dentro das regras e sem visar recompensa ou o fazer em troca de reconhecimento.

2- Quais são as formas de atuar como ajudante através do jogo?

LISE: Você pode andar em quartos públicos ou privados, mas preferencialmente em quartos públicos, ou até, criar a sua própria "Central de Ajuda", para atender novos e antigos jogadores. Dar uma passada na "Central de Segurança" do Habbo (quarto oficial e destacado no navegador) para ver se alguém precisa de ajuda, seja tirando dúvidas ou dando orientações. Mas cada um tem o seu modo de atuar.

DR.LSDS: Sem falar que até usuários que não se intitulem propriamente como ajudantes, podem e devem atuarem da sua forma. Através do seu jogo ou projeto, através do seu Fã Site e principalmente através do seu exemplo. Zelar pela segurança através do jogo vai muito além do que respeitar apenas a Habbo Etiqueta!



3- Sem a ferramenta de Guardião, o que é essencial para colaborar como ajudante, seja qual for a frente de atuação?

LISE: É apenas estar disposto a ajudar. Não é necessário uma ferramenta de Ajudante/Guardião para atuar como ajudante! O essencial é apenas continuar ajudando como puder. Ser um Habbo Ajudante não se limita ao seu emblema, mas sim a sua disposição e empatia. Todos em algum momento são ajudantes. Me lembro de repassar a frente coisas que sabia para a galera que via começar a jogar antes mesmo da ferramenta de Ajudante/Guardião existir e com amigos, nos reuníamos em quartinhos para falar sobre tudo isto e promover conversas saudáveis e cheias de aprendizados, bons tempos.



4- O ato de ajudar através do Habbo é limitado a tudo que se refere unicamente ao jogo?

LISE: Não acho limitado, pois qualquer pessoa pode tirar suas dúvidas seja no que for, vai de ajudante para ajudante querer responder ou limitar as dúvidas dos jogadores. Mas particularmente, eu não privo ou limito de me perguntarem algo. Obviamente, me mantenho sempre respeitando a Habbo Etiqueta e os meus princípios pessoais, mas sou da máxima de que nunca sabemos o que se passa com o outro e talvez naquele momento você seja a única pessoa que o pode ajudar, nem que seja apenas sendo um suporte de escuta ou até para compartilhar uma palavra positiva. Isto pode fazer toda uma diferença e em 12 anos de jogo, já passei por muitas situações como estas!

5- Quais são as motivações positivas e negativas por trás de ser um Habbo Ajudante?

MASTER: Sejamos sinceros, as motivações positivas são bem menores do que as negativas e por isto não existem tantos ajudantes por aí. Antigamente, haviam as ferramentas que hoje foram descontinuadas por seu mau uso e por conta dos investimentos atuais realizados no Client Unity. Na época, motivava as pessoas a ajudarem por causa da facilidade destas ferramentas e do status que elas davam, além do mau uso delas, envolvendo golpes, ameaças, roubos, etc. Mas, quem quer ajudar ajuda, quem quer ajudar não se importa com a falsa sensação de importância e sim com o resultado de ajudar na construção de uma comunidade melhor! Os pontos negativos são mais do que claros e a maior parte dos ajudantes que jogam e ajudam de bom coração, são menosprezados pela comunidade. Beep, beep.

6- Existem requisitos ou limitações para ser um Habbo Ajudante, ou qualquer usuário com boa intenção o pode ser?

MASTER: Não existe quaisquer ferramentas que limitem algum tipo de atuação e mesmo quando existia, qualquer um ainda poderia ajudar, logo, qualquer usuário pode e deve ser um ajudante. Mas, a maioria “ajuda” para ganhar reconhecimento, como no Habbo Awards, e outros para conseguirem um dia se tornarem Habbo Embaixadores. O problema é quando a pessoa consegue o seu objetivo e depois de pouco tempo já está desmotivada. Então, um bom ajudante deve ajudar pelo prazer de querer uma comunidade melhor! Beep, beep.

7- Membros de Fã Sites, projetos independentes, policias, RPGs e outros, como cada um de nós pode e deve atuar em favor da nossa segurança pessoal e da segurança de outros usuários?

MASTER: Ajudar os novatos e conscientizar é essencial para melhorar a comunidade, mas não adianta falar sobre a Habbo Etiqueta e não segui-la. Todo mundo pode ajudar a espalhar a boa conduta e o próprio hotel já faz isto através dos seus jogos e eventos, mas infelizmente a maior parte dos usuários prefere não ouvir e não seguir. Beep, beep.

8- Na sua opinião, o que o Habbo deveria fazer para melhorar as ferramentas de moderação e ajuda atuais? E o quais possibilidades de soluções poderiam serem implementadas no futuro?

MASTER: Não vejo outra solução que não seja a moderação humana. Infelizmente, a automática se provou ineficaz e podemos ver os resultados nos quartos públicos principalmente. Eu não acredito que ela será implementada e espero que pelo menos melhorem a moderação atual tornando-a cada vez mais funcional. Beep, beep.



Muito obrigado e até a próxima edição!